sexta-feira, 27 de maio de 2011

1 comentários

Só agora estão dando conta que os tablets vieram para ficar ...



" Começou à 0h desta sexta-feira a venda do iPad2 no Brasil. O evento de lançamento ocorreu em um shopping na zona oeste de São Paulo, onde já havia uma fila esperando para comprar o aparelho. "


Fonte: Terra Tecnologia (ler matéria na íntegra)

Assisti agora a pouco o Bom dia Brasil na TV Globo, com reportagens especiais sobre tablets e até mesmo uma entrevista com um especialista no assunto, significa que a população está começando a descobrir o mundo da computação móvel.

Várias pessoas me perguntam como são e para que servem os ipads e galaxys da vida. Tento dar explicações mais genéricas, já que eu também não conheço as plataformas e pelo menos para mim, ainda não é algo essencial, se adquirisse ou ganhasse um tablet hoje, entraria nesse mundo não como um profissional de TI mas como um usuário comum. Não é só eu que estou nesse dilema, acredito que muita gente na área de TI ainda está confuso.


A tecnologia vai evoluindo, e a ideia de ter lugar e horas para acessar a internet e aproveitar tudo que a informática tem para oferecer vai ficando defasada. As pessoas estão cada dia mais dependentes (e até mesmo viciadas) da internet e das facilidades da tecnologia. Começou com os notebooks e o céu é o limite, mas a computação móvel está aí. É realidade, e só tende a crescer, a evoluir.


Há 20 anos atrás tínhamos lugar e hora para comunicarmos. Telefone fixo, fax, carta. Hoje com celular, dificilmente você usa um orelhão ou com os emails dificilmente você manda fax ou carta. É a mesma evolução que estamos tendo hoje, ainda temos o telefone fixo e a carta, mas a comunicação hoje é dinâmica, ela anda junto com você. E em breve, a internet andará junto com você também, a preços acessíveis.


Aqueles que temem o fim dos PCs, muita calma, o mesmo ainda continuará a existir, será uma central de gerenciamento de smartphones e tablets, um porto seguro para navegar, mas acho que entre 10 e 20 anos, você vai conectar-se a internet do mesmo modo que faz um telefona num celular, simples, barato e natural.


Então é melhor procuramos entender por que essa evolução está ocorrendo ao invés de simplesmente ter medo da mesma.


PS: Vocês perceberam que meu tempo anda escasso ultimamente. Pretendo fazer textos e atualizações menores durante os dias mais atarefados e algo mais completo nos dias mais tranquilos. Pelo menos assim, pretendo manter a regularidade nas atualizações :D


PS2: Naquela pani do blogger, o Vox perdeu 1 post de maneira inexplicável deste mês de maio. Bom, o post vai ficar perdido, já que era sobre um assunto sazonal, pois era sobre a compra da Skype pela Microsoft. Se você leu e salvou em algum lugar esse post, entre em contato conosco :D
0 comentários

Grandes empresas de TI no Brasil precisam tomar coragem para inovar mais ...


Um rede social tupiniquim pode ser o começo ...

" SÃO PAULO – A Totvs anunciou hoje o lançamento da sua rede social corporativa, o by You. O serviçio integra, em um único ambiente, perfis pessoal (rede de relacionamento) e corporativo (rede de propósito).


A rede, com propósitos corporativos e profissionais, permite que os usuários, segundo a Totvs rigorosamente qualificados e autenticados por um sistema próprio de certificação (C-You), interajam, colaborem, busquem e gerem negócios, compartilhando informações e conhecimentos. "


Fonte: Info (ler matéria na íntegra)

Apesar dessa nova rede social da Totvs ser uma inspiração do Linkedln, já é algo a ser comemorado. Como disse no ano passado, o Brasil tem grandes empresas de TI na área corporativa e muita gente criativa trabalhando nas mesmas, o que falta não é inovação, e sim coragem.

Eu sei que qualquer aposta em uma ideia inovadora tem seus riscos financeiros, que senão der certo, poderá trazer grandes prejuízos aos empresários brasileiros, mas por outro lado, pode dar certo, e uma ideia nossa pode ganhar o mundo. Afinal, nossa internet é tão livre quanto nos EUA, se algo mostrar-se muito bom, pode sim fazer sucesso. Só precisa mesmo de coragem.


Pequenos empresários do ramo estão tentando, já por aí, antivírus brasileiros, o famoso blog Jovem Nerd vai se transformar numa rede social, agora tem essa da Totvs. É o começo, e torço para que esses projetos decolem, pois aí irá iniciar aquele "circulo virtuoso", onde as ideias começaram a serem colocadas em pratica. Algumas não vão decolar, mas o que irá valer, é que estamos tentando e isso é algo que alavanca o setor de tecnologia de qualquer país.


Nós brasileiros só culpamos o governo, e apesar do mesmo ter culpa em algumas coisas, nosso empresariado tem que criar coragem e investir e procurar boas ideias que possam virar bons negócios amanhã. É como diz aquele velho ditado "Quem não arrisca, não petisca". É possível sim ganhar dinheiro na internet de forma direta sem apelar para propaganda, e o brasileiro precisa aprender isso, basta ter alguém para acreditar!
0 comentários

A "greve da TI" gerou seu primeiro resultado, mas ainda não é o bastante ...



" SÃO PAULO - O Tribunal Regional do Trabalho (TRT) determinou que os profissionais de TI devem receber reajuste de ao menos 7,5% em seus salários. O percentual foi decidido no Judiciário pois, durante meses, patrões e empregados não conseguiram chegar a um acordo. "

Fonte: Info (ler matéria na íntegra)

Esse aumento ainda é pouco, por uma profissão que falta mão de obra, onde as empresas pedem niveis de qualificação mais profundos, vai ter que haver um valorização, senão, pode haver uma debandada de jovens, que irão tentar outra área de atuação.

Mesmo assim, esse aumento deve ser comemorado, e se nossa classe fosse mais unida e tivesse sido feita uma greve de verdade, tenho certeza que conseguiríamos uma aumento maior, mas na situação atual, foi o possível.


Na minha humilde opinião, nossa profissão aqui no Brasil ainda tem 2 ou 3 décadas para desenvolver-se completamente, já que o investimento em TI é para sempre, a chances desse mercado de trabalho podem aumentar muito, apesar da sensação de saturação que vivemos hoje.


Até lá, cada um de nós deveríamos para pensar um pouco na nossa carreira e suas futuras perspectivas. A TI é algo que evoluiu muito depressa, e nem sempre nossos sonhos e metas acompanha esse ritmo frenético. Você deve se perguntar: você ainda será útil daqui a 3 anos? ^^

sexta-feira, 20 de maio de 2011

2 comentários

[especial] Firefox 5 Beta 1


Firefox 5.0 Beta

Contrariando completamente nossas previsões, a Mozilla chutou o balde e adotou o lema "Senão pode vence-los, junte-se a eles". Foi o que a mesma fez, adotou a metodologia de rapid releases (lançamentos rápidos) e promete que pelo menos a cada 12 semanas teremos um release novo do FF.

Agora a tarde, a versão 5.0 foi movida para o canal Beta e pode ser baixada aqui. Já utilizamos e fizemos uma pequena lista do que tem de novo nessa nova fase do Mozilla Firefox.


Obs: As imagens a seguir estão em miniaturas para melhorar o carregamento e a visualização da página. Clique sobre elas para ver em alta resolução.


* Sem novidades visuais



Ao olhar essas imagens você pode dizer: Poxa, é igual ao Firefox 4. Bom, com exceção do comportamentos das abas quando você as abre ou fecha, que agora deslizam sobre a barra de títulos (semelhante ao Chrome e ao Opera), não ouve nenhuma alteração no visual.


* Mudando de canal




Na caixa de diálogos "Sobre" apareceu uma nova opção. Agora você poderá alterar qual tipo de versão do firefox que você deseja usar, existem três tipos que são os clássicos "canais de desenvolvimento". Você pode manter na versão final, ou seja "Release", pode mudar para versão beta ou poderá usar a versão alpha, que a mozilla apelidou de Aurora.


É um recurso inédito nos navegadores. No Chrome por exemplo, você precisa ativar essa transição para o canal dev de forma um pouco mais complexa, e depois o próprio Chrome reinstala novamente a nova versão. No Firefox, ele apenas baixa o que é necessário, sem precisar de uma reinstalação.


Não é um recurso que o povo vai usar muito, pois a maioria das pessoas saem correndo das versões Beta como o diabo foge da cruz, mas para nós da TI, é uma funcionalidade um tanto interessante.


* Jetpack a todo vapor. Instale extensões sem precisar reiniciar :D




O Jetpack é um novo tipo de extensões para o Firefox que permite instalações/alterações/desinstalações de extensões em tempo de execução sem precisar reiniciar o navegador. No Firefox 4 esse é um recurso "experimental", no banco de dados da mozilla, até então muitas extensões jetpack vinha com o selo "experimental".


Agora, parece no FF5 o jetpack chega a sua versão 1.0, e as primeiras extensões estáveis com esse formato começam a pipocar. É um recurso que o pessoal sempre pediu, e finalmente foi atendido.


Acredito que agora só depende dos desenvolvedores de extensões, migrar suas criações para o novo padrão. :D


* Impedir rastreamento de cookies




Por fim, a ultima novidade visível do Firefox 5 é um recurso de segurança. Na guia privacidade, você pode agora marcar se deseja ou não que um site faça rastreamento através de cookies. Ainda não entendi muito bem como isso vai funcionar, vamos ter que esperar o pessoal da Mozilla apresentar detalhes desse recurso.


Não deixa de ser algo positivo, o FF sempre foi pioneiro em quesito segurança.


* Mudanças em geral


Fiz aqueles "benchmarks" bem fuleiros, e o posso dizer é que melhorou um pouco a estabilidade do navegador, em alguns casos, não há mais aquele delay, mas isso ainda ocorre se você estiver com muitas abas abertas ou uma página usa muitos plug-ins ao mesmo tempo.


O consumo de memória continua estável em relação a versão anterior, um pouco menos, em média de 7-10 MB a menos. Se por um lado não é uma mudança impactante, por outro lado, o consumo não cresceu, o que é bom.


* Conclusão


Não esperem muitas mudanças, se você usa feliz o Firefox 4, vai continuar feliz como Firefox 5 pois, agora a mozilla com esse novo modelo de desenvolvimento rápido pretende investir mais no núcleo do programa do que em sua aparência externa, pelo menos nesse primeiro momento, eles querem trabalhar para igualar o Firefox em desempenho com o Chrome e com o IE9, que é única coisa que o FF ainda perde para seus concorrentes.


Se você quiser experimentar, clique aqui e baixa direto do canal Beta.


Atenção: Instalação desse beta
substitui por padrão a sua versão corrente, algo inédito, pois antigamente a versão beta era instalada em pastas diferentes. Por tanto, evite de usá-la em ambientes de produção. A instalação é por sua conta e risco.


Se você quiser aprender como utilizar versão de teste do firefox de maneira segura, leia nossa dica clicando aqui.

quarta-feira, 18 de maio de 2011

0 comentários

Universalizar a banda larga: é possivel, mas muito tem que ser feito ...



" O Brasil tem condições de dobrar o acesso à internet em quatro anos, na avaliação do ministro das Comunicações, Paulo Bernardo. Mas, segundo ele, para atender à demanda existente no país, é necessário triplicar o número de acessos. Para Paulo Bernardo, a universalização do serviço depende do aprimoramento da regulamentação do setor. (...) "

Fonte: Terra Tecnologia (ler matéria na íntegra)

Mais cedo ou mais tarde ela vai acontecer, a universalização da internet (ou se preferir, um termo mais anos 90: a inclusão digital) , principalmente a banda larga. Isso é fato, porém, se fosse pelo processo natural, do jeito que a coisa anda hoje no Brasil, iria levar muito tempo para todos terem esse acesso.

PNBL, é uma maneira que o governo federal bolou para acelerar essa universalização da web, é um boa medida e até apoio, pode até conseguir sua meta de duplicar o acesso. Mas tem duas coisas que ficam abertas: Qualidade do link e educação.


Deveria existir no Brasil órgãos de fiscalizadores e reguladores fortes, que puna com rigor as empresas que não dê um qualidade aceitável. Se eu contratei 1M, terei meus 1M com qualidade, e quando tiver algum problema, seja atendido, de forma rápida, esclarecedora e principalmente, respeitosa. Para começar a regulação deveria ser assim: se uma operadora tiver nota ruim por 3 anos consecutivos, perde a licença. Algo semelhante é aplicado as faculdades, pena que ultimamente os padrões mínimos sejam um pouco baixos. Mas se bem aplicado, certeza, muita coisa ia mudar.


Outra medida que o governo poderia ajudar e muito, é evitar monopólios. Sempre no minimo duas operadoras em alguma região. Se só existe uma, a Telebras poderia entrar como concorrente "temporária", até outra empresas chegasse a determinadas regiões.


E por fim, a educação: Me refiro ao preparo que os novos internautas devem ter. Muita gente hoje começa a usar internet sem entende-la como a mesma funciona. Não é para explicar questões técnicas de transporte de pacotes, é explicar e conscientizar os novatos que a internet é um espelho de nossa realidade, que deve-se ter cuidado, deve ter o minimo de respeito com o próximo, e como as coisas mudam rápido na rede e etc, etc, etc.


É isso que deveriam focar nos cursos de computação, por que usar o hardware/software hoje não é mais tão complicado quando a 20 ou 15 anos atrás. Tudo está mais intuitivo, mais fácil de usar e entender, é isso que nós profissionais de TI devemos fazer, como formadores de opinião, ensinar o que de fato é a internet. Por que, se a pessoa aprender bem a usá-la, no dia que tiver curiosidade de saber como funciona a tecnologia por trás da internet, basta perder 10 minutos no google que ela aprende. Didática é tudo.

Esses e outros temas é assunto na clássica crônica do Vox: 100Mbps? uhauhaha, que a dois anos atrás eu explicava por que não acreditava que aqui no Brasil chegaríamos a tanta velocidade para a população até 2014. E queira você ou não, mesmo aquele que me zoa pessoalmente, dizendo que tem áreas que já existe 100M, o que está naquele post está na nossa realidade. Releia-o, é para aquela situação descrita que estamos encaminhando :D
0 comentários

PSN: Tem boi na rede ...



" SÃO PAULO – Menos de dois dias após liberar o acesso a rede PlayStation Network (PSN), a Sony foi obrigada a desligar novamente o sistema por suspeitar de possíveis novos ataques exploit.


Os exploits permitiriam que crackers modificassem as senhas dos usuários apenas utilizando as informações da conta de e-mail e data de nascimento, que são os dados solicitados pela PSN para a reativação. Porém, todos esses dados dos usuários foram obtidos pelos criminosos que invadiram a rede da Sony. (...) "


Fonte: Info (ler matéria na íntegra)

A coisa não está nada fácil para Sony, essa demora toda para reativar a PSN vai com certeza ser prejudicial para os negócios, já que uma falha dessa proporção em rede de games não tem precedente. A Microsoft e a Nintendo poderia estar comemorando, mas na verdade, tá todo mundo com medo que algo semelhante aconteça em sua rede.

Afinal de contas, segurança de informação nunca será 100%, você tem que estar ciente que em qualquer coisa que você faça na internet, você estará correndo algum risco. Se você tomar cuidado vai diminuir muito a chance de ser "contemplado" com problemas de vazamentos de dados, mas sempre vai ter chance de algo dar errado (lei de Murphy), principalmente em algo que você não tem o controle.


Disse todas essas "obviedades" só para conscientizar, já que o que a grande maioria revolta-se sem saber como a bagaça funciona. Muita gente, até gamers veteranos não conseguiram captar a dimensão e a gravidade dessa pane, pois bem, a realidade nua e crua e a seguinte:


É óbvio que o pessoal da Sony achou um buraco tão grande e um conjunto de falhas tão primarias e tão graves, que simplesmente teve que refazer do zero boa parte dos programas que gerencia a rede PSN. Se fosse apenas ataques de DDoS, ou uma invasão pequena, causada por uma falha pequena ou mesmo em softwares de terceiro, bastava apenas umas "24hrs" e um malabarismo com routers e servers que tudo estaria resolvido.


O ataque a PSN foi muito grave, e se você por acaso tiver informações criticas armazenadas na psn, como dados bancários, é melhor correr e pedir um novo cartão e uma nova senha no seu banco. Pode parecer radical, mas você não vai querer bancar compras ou golpes de vagabundos alheios. Vai por mim, melhor perde 2 horas de seu tempo do que depois você perder semanas, meses ou até anos para limpar o nome.

Bom, eu nunca cheguei a jogar num PS3, mas quem eu conheço que joga, diz que sem a psn o ps3 é igual a um ipad sem internet. É nessas horas de desespero "Gamístico" que eu recomendo a você orfão da psn: baixe uns emuladores, umas roms e seja feliz (e para organizar tudo, use o Chaos MenuGames ;D )

Só para finalizar, não são bugs que tem na rede da psn, é algo muito maior e mais pesado, meu palpite é que tem boi na rede ... :-)

segunda-feira, 9 de maio de 2011

2 comentários

O cúmulo da produtividade ...


Enquanto isso nas trevas do calabouço da ignorância ...

"A fábrica da Apple na China, a Foxconn, obrigou os funcionários da empresa a assinarem um acordo em que eles prometem que não vão cometer suicídio enquanto trabalharem e morarem nas instalações da Foxconn. (...)"


Fonte: Terra Tecnologia (ler matéria na íntegra)

Fica complicado questionar o modo de vida dos orientais, julgando apenas pelos nossos valores, são culturas completamente diferentes, o que para nós pode parecer (e na minha opinião, não deixa de ser) escravidão, para eles talvez seja uma forma de dedicar-se 100% ao trabalho. O que me deixa mais irritado, é que tem gente que diz que nós, brasileiros temos que adotar esse modelo, o que é um absurdo sem tamanho.

Muitos criticaram e disseram que a Foxconn no Brasil vai ser apenas uma "montadora" de iPad, ora, a mesma lá na China é uma montadora de iPad. Quem desenvolve o iPad e iPhone é a Apple, a mesma só terceiriza a mão de obra. Então, enquanto a Apple não criar uma subsidiária de desenvolvimento fora dos EUA, nenhum país do mundo terá o controle pleno dessa tecnologia, nem o Brasil e muito menos a China.


Outra critica é que os produtos vão ficar caros de mais para produzir e vender por causa dos impostos. Baléla, óbvio se a fabrica vir para o Brasil, vai ter isenção fiscal, e a própria Foxconn não iria ser tão ingenua de investir uma bolada enorme sem ter nenhum retorno financeiro.


E por fim o mais sinistro: O Brasileiro só trabalha 8 horas por dia, por isso é um vagabundo preguiçoso. Conversa para boi dormir. Tem muita gente no Brasil que trabalha 10,12,14 horas por dia, e ainda tem que ouvir o patrão dizer isso. Pergunte para qualquer um que trabalhe acima da jornada de trabalho por lei, o quanto ele(a) sempre quiseram trabalhar apenas as 8 horas. Puxa, muita gente não vive, e tem troll por aí que fica dizendo que brasileiro é preguiçoso. É algo que me deixa profundamente decepcionado e triste.


A China que resolva seus problemas, não gosto desse modelo chinês que está mais para um ritmo industrial do fim do século 19 do que uma "moderna pratica de trabalho".


Há vagabundos e preguiçosos em todo lugar do planeta, e se a maioria dos Brasileiros acham que 8 horas de trabalho é o suficiente, os empresários tem tirar da cabeça essa ideia "escravagista" e adaptar-se e não querer defender modelos que vão contra nossa cultura. Ficar xingando brasileiro de preguiçosos é o mesmo que os portugueses diziam dos índios na época colonial. O Índio trabalha, mas não se mata no trabalho, sabe que acima de tudo, a vida é mais importante.


Para mim, isso tudo é cumulo da produtividade. Que o Brasil precisa de um monte de reforma, isso é indiscutível, mas temos que ficar atentos, para não perdermos o direito mais sagrado: a liberdade. Ou você acha que alguém empregado da foxconn chinesa, que mora, casa, trabalha e até morre (ou se mata) dentro de uma fabrica (senzala), é livre para ir e vir? e você, queria um emprego desses? e se você tivesse um emprego desses, também não pensaria em se matar?

PS: Esses dois posts foram mais filosóficos do que de informática propriamente dita. Mas convenhamos, a ultima semana foi morna em noticias de informática. Por essas e outras que passamos quase dua semanas sem posts. Parece que as coisas vão voltar ao normal, e claro, em breve, um especial sobre a nova versão do Firefox e se deus permitir, do Ubuntu. Então, Aguardemmm :D

0 comentários

Os Filhos da bolha ...



" NOVA YORK - A perspectiva de se descobrir um novo Facebook, Groupon ou Twitter está impulsionando a maior corrida de capital de risco por empresas de Internet iniciantes desde o primeiro boom do setor, que chegou ao ápice e despencou mais de uma década atrás. (...)"


Fonte: Info (ler matéria na íntegra)

A bolha de 2000 pode ter feito muito bacana de wall street perder fortunas na nasdaq e muitos perderem empregos nos EUA, mas ela foi benéfica para internet.

Foi aí que a internet passou a ser coisa de "gente grande" ao invés de um modo de comunicação alternativo, passou a ser entretenimento, a ser trabalho, a ser social e até a ser amor para alguns, ou seja, virou um modo de vida e quase um realidade paralela.
:D

Você, você e você aí que estão lendo e eu que estou escrevendo esse texto, são sim os filhos da p* bolha, graças a "seleção natural" muita coisa vazia e muitas más ideia sucumbiram, e ideias realmente boas e gente bastante competente, estão fazendo a internet atual, como o Google, o FaceBook, Twitter e etc ...


Mas será que uma nova bolha vai estourar? Óbvio que sim, mas não acho que será agora, esse ritmo de investimentos em TI, principalmente para internet e a "nuvem" é apenas o começo. Infelizmente, mais cedo ou mais tarde aquelas más ideias começaram a pipocar de novo, e aí meu amigo(a), vai ter um novo "deus nos acuda".


Tudo tende que a próxima bolha vai afetar o conteúdo e o meio de uso da internet, e se nós mortais tiver sorte, dessa hecatombe poderá surgir novos avanços.


Ao contrário do você possa estar pensando, não estou torcendo para que uma nova bolha estoure, mais infelizmente o capitalismo funciona assim, a próxima grande crise financeira mundial pode ter origem na internet. O pessoal que não se cuide para ver só o que acontece :P