sexta-feira, 1 de março de 2013

A polêmica do Home office ...

home office
Trabalhar em casa não é tão fácil quanto muitos imaginam ...

" São Paulo - A decisão de Marissa Mayer, a presidente-executiva do Yahoo, de proibir o home office pelos funcionários da empresa causou indignação nos Estados Unidos, mas levou muita gente no Vale do Silício a indagar sobre o motivo de tantas reclamações. Trabalhar de casa é bastante comum no Vale do Silício, mas isso acontece em acréscimo às mais de 40 horas semanais que as pessoas passam trabalhando em seus escritórios, e não no lugar disso. (...) " 

Fonte: Info (ler matéria na íntegra)

São poucas as empresas no Brasil que remunera seus empregados por ter feito hora extra em casa (alias, boa parte delas dá um migué na hora extra :P), mas algumas multinacionais permitem que alguns de seus empregados possam trabalhar em casa pelo menos 1 dia na semana ao invés de ir ao escritório. Sei disso por que conheço algumas pessoas que trabalham em algumas dessas multinacionais.

Mas trabalhar em casa, exige disciplina, muita disciplina. Sei disso porque sou freelancer (ou trabalhador autônomo).

As distrações em casa são muito maiores, e a vontade de ficar dormindo é enorme, se você for muito preguiçoso, precisa amar muito o que faz e/ou ter outras motivações para sair da cama, ligar micro e fazer o seu serviço.

No caso dos freelancers, se eles não fazem isto, morrem de fome, pois não vão ter grana no final do mês, agora, uma pessoa com emprego fixo, a conversa muda.

No caso do Yahoo, acho que a Marissa tomou a decisão certa, a empresa está lentamente indo para o buraco, e discutir ideias via IM não é tão produtivo quanto no "olho-no-olho".

Quando uma empresa vai mal, ao trabalhar no escritório você sente aquele mal estar, em casa você acha que tudo está bem, e os seus chefes dificilmente vão saber se você está motivado ou não. Claro, este não é o caso do Yahoo, mas é uma das desvantagens do Home Office.

O assunto é polêmico, principalmente da forma que o Home Office é implantado, por exemplo, se o cara mora longe, é uma boa deixá-lo em casa pelo menos 50% do tempo, economiza muito em transporte, tempo, sadúde e ganha qualidade de vida, agora se o cara mora ao lado do escritório, este aí não tem desculpa.

E claro, nem todos e principalmente, são poucas as profissões que permite você implantar o home office, então é algo que deve ser estudado, e se for viável, deve ser implementado com regras mais rígidas.

E você, já teve uma experiência de home offfice? conte-nos :D

PS: O Notebook novo chegou ontem à tarde, e este é o primeiro post que faço no meu próprio PC em quase 4 meses :D

2 comentários:

Dav disse...

Fala Casper Parabens pelo seu novo PC (-:

Trabalho ou trabalhava de autonomo em casa realmente tem que ter disciplina...devido as facilidades de casa e tem dias que voce nao ta afim de fazer o "serviço" por algum fator.

De certa forma algumas vezes gostaria de estar trabalhando no local proprio mesmo.E nao levaria serviço na volta para casa...

Geralmente pegava PCs para fazer manutençao simples ou formataçao e instalaçao do Windows tudo no meu quarto,e teve uma vez que ficou acumudando CPUs aqui e ninguem vindo buscar...

Enfim a vantagens e desvatagens no meu caso foi meio a meio lol

Abraço o/

Casper disse...

@Dav

Nem me lembre de PC velhos acumulados no quarto, quando eu fazia bico de técnico, já chegou a ficar 8 gabinetes entulhando.

Hoje, só concerto se for de parentes ou de algum amigo. Alias, tem um PC de uma prima minha neste momento aqui no quarto que eu tenho que dar uma olhada :D

Postar um comentário

Politica de comentários:

O Casper Vox modera todos os comentários enviados, e reserva-se no direito de remover qualquer comentário que:

- Contiver spams;
- Que forem duplicados ou floods;
- Que não for relacionado com o assunto do post ou do blog;
- Com ofensas e palavras de baixo calão;
- Que apenas tiver pedidos ou links

Voce poderá postar seu comentário como Anônimo, mas recomendamos e incentivamos a vc usar usar sua conta do Google ou sua OpenID.

Seu email e seus dados serão mantido em sigilo. Leia nosso Termo de uso e a nossa Politica de privacidade para mais detalhes!

Nota: As opiniões deixadas pelos visitantes não refletem a opinião do Vox.