quinta-feira, 30 de abril de 2009

GeoCities com os dois pés na cova ...


" SÃO PAULO – Um grupo de fãs do serviço de criação e hospedagem de páginas pessoais Geocities está se mobilizando para tentar salvar o conteúdo do serviço, que desaparecerá este ano.

O Geocities foi um dos mais populares serviços da web nos anos 90 e permitia a criação de páginas pessoais. Comprado pelo Yahoo! em 99 por US$ 3 bilhões, o serviço definhou com o surgimento de blogs e álbuns de foto online, como Flickr e Picasa. "

Fonte: Info (ler matéria)

Lá se vai um dos ultimos serviços pioneiros da internet, ficar 16 anos no ar no mundo da web, é a mesma coisa que uma empresa normal sobreviver 200 anos.

O problema do GeoCities é que o mesmo não evoluiu com o tempo, eu me cadastrei no mesmo e tenho uma conta desde 1999 antes de ser comprado pelo yahoo (é por isso que tenho o logo original) e acessando hj o mesmo, não houve praticamente nenhuma alteração. É bem capaz de vc acessar os recursos do GeoCities em browsers antigos sem nenhum problema.

Nem deus salva o GeoCities, vai deixa um pouco de saudades, mas é um serviço superado e que vc pode substituir sem nenhum problema. de 1999 a 2003 eu mantive um no GeoCities, feito em front page, usava o pseudo dominio da cjb.net, o CASPER-EARK Web Site. Queria mostrar pra vcs agora, mas não achei. Um dia eu acho ele em um dos meus quase 50 CDs de Backup e mostro pra vcs ...

PS: O Ubuntu 9.04 já saiu, estou baixando e em breve, um pequeno especial sobre o mesmo!

0 comentários:

Postar um comentário

Politica de comentários:

O Casper Vox modera todos os comentários enviados, e reserva-se no direito de remover qualquer comentário que:

- Contiver spams;
- Que forem duplicados ou floods;
- Que não for relacionado com o assunto do post ou do blog;
- Com ofensas e palavras de baixo calão;
- Que apenas tiver pedidos ou links

Voce poderá postar seu comentário como Anônimo, mas recomendamos e incentivamos a vc usar usar sua conta do Google ou sua OpenID.

Seu email e seus dados serão mantido em sigilo. Leia nosso Termo de uso e a nossa Politica de privacidade para mais detalhes!

Nota: As opiniões deixadas pelos visitantes não refletem a opinião do Vox.